Questões de Concurso

Com a mudança de foco do site, foi alterador o serviço de hospedagem. Na migração dos posts de questão, pode ter acontecido algum problema, o principal que identifiquei foi a ordem das questões, que não estão mais seguindo a ordem das provas.

Tentarei aos poucos ir ajeitando isso. Mas todas as questões estão disponíveis, nenhuma foi deletada.

33. (CESGRANRIO – TRANSPETRO – ADMINISTRADOR/2006)

Pode-se definir retorno sobre investimentos como o(a):

(A) total de ganhos ou prejuízos dos proprietários, decorrentes de um investimento durante um determinado período de tempo. (B) total de lucros ou prejuízos obtidos pelo proprietário do capital investido em um ativo não monetário por um período de tempo sempre superior a um ano. (C) possibilidade de ocorrer lucro ou prejuízo decorrente da aquisição de um ativo intangível ou infungível, num determinado período de tempo. (D) certeza de ocorrência de um ganho sobre um investimento realizado, pelo prazo mínimo de três anos. (E) incerteza decorrente da variabilidade de retornos associados a um determinado ativo.

COMENTÁRIO

Bem, acredito que não se tenha dificuldades sobre o conceito de retorno. É algo presente na vida de todos. Retorno sobre investimentos financeiros é o que veio ou espera-se vir de volta para empresa quando fizer aquele investimento.

Obviamente, sempre que se faz um investimento (seja no mercado financeiro ou produtivo) espera-se um retorno maior do que o próprio investimento, gerando assim lucros ou ganhos. Esse lucros, esse retorno, é uma espécie de unidade de medida da capacidade da empresa em remunerar mais recursos que venham a ser colocados nela. Caso haja prejuízo ou perdas, ou seja, o retorno menor do que o investimento, caso que geralmente não é esperado, são tomadas providências para recuperar aquele dinheiro, já que o investimento é incapaz de remunerar os investidores. Os investimentos são classificados de acordo com o seu tempo determinado para retorno, podendo ser de curto (tempo < 1 ano), médio (1 ano < tempo < 5 anos) ou longo prazo (tempo > 5 anos). É bom ressaltar que esses prazos não são unanimidades entre os autores, mas a maioria fala nesses prazos.

Matando as alternativas, as três últimas (c), (d) e (e) falam sobre certeza, incerteza e possibilidade. Isso não faz parte da definição de retorno e sim da de risco.

A (b) fala em período SEMPRE superior a um ano, coisa que vimos que não.

RESPOSTA LETRA A

Posts recentes

Ver tudo