Questões de Concurso

Com a mudança de foco do site, foi alterador o serviço de hospedagem. Na migração dos posts de questão, pode ter acontecido algum problema, o principal que identifiquei foi a ordem das questões, que não estão mais seguindo a ordem das provas.

Tentarei aos poucos ir ajeitando isso. Mas todas as questões estão disponíveis, nenhuma foi deletada.

24. (CESGRANRIO – TRANSPETRO – ADMINISTRADOR/2011)

Iniciando-se o processo de análise econômico-financeira de uma empresa, foram coletadas, em reais, as informações abaixo, com base no último balanço publicado.

Estoque em 31/12/X0 = 180.000,00 Estoque em 31/12/X1 = 220.000,00 Contas a Receber em 31/12/X0 = 350.000,00 Contas a Receber em 31/12/X1 = 326.000,00 Custo da Mercadoria Vendida = 900.000,00 Financiamentos de curto prazo = 550.000,00 Financiamentos de longo prazo = 850.000,00 Ativo Imobilizado = 847.000,00 Patrimônio Líquido = 660.000,00 Fornecedores = 290.000,00

A partir das informações acima, qual o valor, em reais, do capital de giro em 31/12/X1?

(A) 359.000,00 (B) 663.000,00 (C) 886.000,00 (D) 1.213.000,00 (E) 1.403.000,00

Ja falei de capital de giro aqui: http://administracaocomentada.wordpress.com/2011/06/21/36-cesgranrio-%E2%80%93-transpetro-%E2%80%93-administrador2006/

E peço desculpas por um erro que cometi, acabei resolvendo essa questão pela fórmula que tinha lá, mas a fórmula do capital de giro quem tem lá (Capital de Giro = (Patrimônio Líquido + Exigível a Longo Prazo) – (Ativo Permanente + Realizável a Longo Prazo)) na verdade é igual a fórmula do capital de giro líquido. Só para provar:

Capital de giro = (PL + ELP) – (AP + RLP) PL + ELP é tudo que sobra do lado do passivo se tirarmos o Passivo Circulante, ou seja, vou chamar essa parcela agora de P – Pc. O mesmo acontece na outra AP + RLP é tudo que sobra do ativo se tirarmos o ativo circulante, ou seja, A – Ac.

Sendo assim, ficamos com: Capital de giro = (P – Pc) – (A – Ac) Capital de giro = P – Pc -A + Ac -> Como lado A e lado P são iguais, podemos cortar, ficando: Capital de giro = – PC + Ac, rearrumando, Capital de Giro = Ac – Pc, ou seja, a fórmula do capital de giro líquido.

Resolvi no dia da prova pela fórmula lá de cima, a primeira, sem nem me ligar e achei estranho quando vi o pessoal dizendo que a questão estava errada, mas de fato está. O que a questão considerou como certa foi o capital de giro líquido, pois o capital de giro é somente o ativo circulante. Mas fiquem com a primeira fórmula na cabeça como uma alternativa ao Capital de Giro Líquido, nessa questão, por exemplo, deu certo.

Vamos lá, se a questão realmente quisesse o Capital de Giro, acharíamos assim, pela equação fundamental da contabilidade:

Ativo = Passivo + Patrimônio Líquido      [Ativo = Ac + Añc ; Passivo = Pc + Pñc] Ac + Añc = (Pc + Pñc) + PL

Nessa questão, tomaríamos: Añc = 847 -> Ativo Imobilizado Pc = 550 + 290 =  840 -> Financiamentos de curto prazo + Fornecedores Pñc = 850 -> Financiamentos de longo prazo PL = 660

Ac + 847 = (850 + 840) + 660 Ac = 1.503 Mas não temos resposta assim.

Mas se resolvermos pelo Capital de Giro Líquido, temos:

CGL = (PL + ELP) – (AP + RLP) CGL = (660 + 850) – 847 CGL =  663.

Ou, pegar os 1.503 que achamos acima e diminuir 840 = 663.

RESPOSTA LETRA B

Ou seja, a banca deu o gabarito como Capital de Giro Líquido. O candidato teria que adivinhar na hora, por não ter alternativa com o capital do giro e, como é de costume, a CESGRANRIO não anulou.

PS: Para quem vai fazer o BNDES esse fim de semana, boa prova! Espero que estejam bem preparados intelecto e fisicamente, pois 8h de prova em um dia é osso. Para quem não fará, vamos passar o fim de semana estudando.


Posts recentes

Ver tudo